Capacitação e formação de jovens coralistas do NEOJIBA termina com concerto no dia 11

Publicado em: 03/11/2017
38091524596_83c94581e3_z

Apresentação ocorrerá no Santuário do Colégio Antônio Vieira, no Garcia, e é aberta ao público

Pelo sexo ano consecutivo, jovens coralistas do NEOJIBA participam da capacitação e formação promovidas pelo programa “Música para Crescer”, iniciativa do CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina, do Sistema de Orquestras da Venezuela e da Schola Cantorum. As atividades começaram no último dia 1º e seguem até o dia 11 de novembro, quando ocorrerá uma apresentação de encerramento juntamente com o III Encontro Coral do NEOJIBA, no Santuário do Colégio Antônio Vieira (Garcia), às 15h30, com entrada gratuita.

Nos dez dias de atividades, os jovens coralistas participam de um intensivo de ensaios, aprendizados e experiências que possibilita a potencialização do trabalho coral e a multiplicação de conhecimentos, para corais do NEOJIBA. “Eu percebo que a cada ano a exigência é maior tanto dos professores envolvidos quanto dos jovens que participam da formação. Nas primeiras aulas de canto, por exemplo, lembro que falavam sobre respiração, no segundo ano, começaram a falar sobre técnica e hoje estamos falando sobre repertório”, destaca a coordenadora de canto coral do NEOJIBA, Yuli Martinez.

As aulas de capacitação e formação são ministradas pelos professores venezuelanos Jesús Ochoa, Ambar Arias e Paulo Morales. Professor de regência da Schola Cantorum, Jesús Ochoa participa da formação desde o início, em 2012, e salienta o crescimento dos jovens com o passar dos anos. “As vozes desses jovens avançaram bastante. Estou muito contente de ver os monitores terem uma visão muito mais séria sobre a direção coral”, diz.

Ariane Rodrigues dos Reis participa do Programa "Música para Crescer" desde 2012.

Ariane Rodrigues dos Reis participa do Programa “Música para Crescer” desde 2012.

Quem assina embaixo é Ariane Rodrigues dos Reis. Ela é monitora dos coros dos Núcleos CESA e Liberdade, além de integrar o Coro Juvenil do NEOJIBA. “Cada ano é um nível novo de conhecimento que eles trazem e uma evolução minha também. Eu percebo muito desse crescimento nas minhas aulas, através das ferramentas pedagógicas e de como passar para meus alunos o conhecimento sobre regência e canto”, observa a jovem que participa das formações desde 2012.

Comentários