“A proposta do NEOJIBA nos permite pôr em prática nossos valores”

Publicado em: 19/05/2017
Fotos Promulti - Riachão do Jacuípe (7)

Hebert de Jesus Rios, 27 anos, natural da cidade de Capim Grosso, entrou este ano para o naipe de violas da Orquestra Juvenil da Bahia. Leia seu depoimento sobre a sua experiência no NEOJIBA.

Conheci o NEOJIBA através de um projeto musical da minha cidade, vinculado à Rede de Projetos Orquestrais da Bahia, onde fiz um trabalho voluntário durante um determinado período. Este ano, vim para Salvador após participar da audição e ter sido selecionado para a Orquestra Juvenil da Bahia.

Aqui, laçaram um novo desafio para todos nós, que é o projeto Músicos Multiplicadores – PROMULTI, no qual todos nós, membros da Juvenil, devemos compartilhar nossos conhecimentos com crianças e jovens nos bairros próximos a cada um dos participantes.

Diante dessa proposta, pensei na possibilidade de estendê-la não apenas aos bairros da capital, mas também para o nosso interior baiano, onde existe grande necessidade de ensino musical. Dessa forma, tomei conhecimento da existência de um projeto que está em fase inicial na cidade de Riachão do Jacuípe, chamado Orquestra Nossa Senhora de Lourdes.

Começamos a ministrar aulas para cerca de 30 crianças e jovens, com faixa etária entre 10 e 17 anos, carentes em sua grande maioria, e/ou em estado de vulnerabilidade social. Eles estão recebendo aulas de iniciação musical, prática instrumental com violões, flautas doce, violinos, violas, violoncelos, clarinetes, entre outros instrumentos.

A proposta do NEOJIBA, através do PROMULTI, não apenas nos concede a possibilidade de troca de conhecimento com essas crianças, mas nos permite também pôr em prática os nossos valores, usando a música como ferramenta. Nos tornando mais humanos e inclinados a fazer o bem ao próximo.

Costumo dizer que, se conseguirmos mudar a vida de pelo menos um desses jovens ou crianças, seja livrando-os da violência, das drogas, ou até mesmo dando-lhes, quem sabe… uma profissão, já terá valido muito à pena todo o nosso esforço e dedicação.

PROMULTI
Através do PROMULTI 43 integrantes da Orquestra Juvenil da Bahia realizam atividades em 13 bairros de Salvador e Riachão do Jacuípe. Nesta iniciativa, os nossos jovens multiplicadores atuam como agentes culturais que propõem e realizam projetos que dialogam com as mais diversas linguagens artísticas em escolas, ambientes culturais e espaços comunitários dos bairros onde moram e transitam.

 

Comentários